terça-feira, 16 de junho de 2009

novamente, aqui, eu e você.


reconciliação.
o mundo gira, e tudo pode mudar... assim como mudou.
você antes desprezou e hoje valorizou.
é incrível o nosso amor, o qual pensei que não existisse mais.
você volta, e mexe com minha cabeça, balança meu coração, e confunde meus sentimentos alheios.
estou bem, você me faz bem, você se tornou tudo e algo mais para mim.
não me vejo sem você.você deu um novo sentido para minha vida.
nós nos completamos, é como dizem: os opostos se atraem.
não me deixa, não me faz sofrer tudo o que eu sofri como da primeira vez.
porque dessa vez é pra valer.

sábado, 6 de junho de 2009

resolvi...


Resolvi te olhar mais um pouco.
Resolvi perceber o quanto tu és bonita.
Resolvi dizer o quanto te amo.
Resolvi prestar mais atenção nos teus detalhes.
Resolvi ter mais tempo para ti.
Resolvi sonhar contigo toda noite.
Resolvi cantar ao teu ouvido.
Resolvi olhar as estrelas contigo.
Resolvi confiar em você.
Resolvi sentir teu corpo.
Resolvi sentir o sabor do teu beijo.
Resolvi mudar.
Resolvi esquecer meu passado e viver meu presente contigo.

vento

Bons ventos trazem notícias sobre você.
Eles gritam teu nome em meus ouvidos, sussurram tua saudade...
Estava lendo suas cartas, mas o vento as espalhou pela casa...
E em cada lugar que as encontro, lembro-me dos momentos em que estivera ao lado meu.

terça-feira, 2 de junho de 2009

Uma breve crítica musical


Poluição sonora...
Não são todas as músicas que agradam meus ouvidos.
Detesto aquelas músicas que as pessoas gemem mais do que cantam, músicas desse tipo são extremamente péssimas!
Ópera, odeio.
Qual é o prazer de você escutar uma pessoa berrando com a voz grossa ou talvez aguda demais?
Não entendo.
Ela é um tipo de música dos "nobres"...
"Nobres" o caralho!
São um bando de pessoas cheias de falta do que fazer:
"Vou sentar-me na frente da lareira e escutar uma boa ópera..."
Ah, conta outra!
Voltando ao assunto...
Todos os dias de manhã, minha mãe liga a rádio, na estação onde passam músicas digamos que, "calmas"...
Não gosto de nenhuma música que toca nessa rádio.
A maioria são internacionais e quando são nacionais, podem ter certeza que são as piores que já compuseram.
Pra falar a verdade eu sou eclética, por incrível que pareça!
Depois de eu ter falado dessas outras acima, não tem como acreditar, não é?
Pois é, mas é a pura verdade...
Podemos dizer que sou uma eclética crítica.
Gosto de todas as músicas, mas as critico quando preciso.
Esse texto não se parece com os outros que fiz...
Pois esse é um texto de opinião, opinião bem crítica pra falar a verdade.
Pra finalizar, só um aviso:
Procurem conhecer outros tipos de músicas.

A espera.


Faz três dias que não o vejo.
Sinto saudades dele.
Meu coração bate forte quando lembro da sua presença que quase sempre, era vista em minha casa.
Queria ser prioridade em sua vida.
Não sempre, mas de vez em quando poderia ser bom.
Nesses três dias que não o vi, eu o esperei.
Não me canso de esperar por ele.
Espero que ele venha hoje.
E hoje, não vai ser diferente dos outros dias...
Tomarei um banho às 18:00 e ficarei esperando por ele...
Na esperança de sua chegada, continuarei esperando-o.