domingo, 23 de agosto de 2009

camelo.


é, tou na tua.
pensei que fosse só um breve passatempo, mas não...
me apeguei mesmo!
fico nervosa quando te vejo, minhas pernas ficam bambas quando você fala ao meu ouvido uma palavra sequer, quando passo um minutinho longe de ti já bate uma saudade...
não sei o que você fez, ou o que tenho, mas não consigo parar de pensar em você.
como isso aconteceu? não faço a mínima idéia.
mas sei o quanto é bom o sabor de gostar novamente.
preciso do teu sorriso para me fazer sorrir, do teu olhar para me deixar envergonhada, do teu abraço para meu aconchego, preciso de você para a minha total felicidade.
você me faz bem, eu tenho consciência de que o que sinto por você não é nada passageiro e muito menos ilusão, quero você ao meu lado até quando nos permitirem.

Nenhum comentário: