sábado, 29 de agosto de 2009

você me paga!


Aqui se faz, aqui se paga.
Quando precisar da minha ajuda ou de algo meu...
Irei dizer-te um não.
Porque é só isso o que sabes me dizer.
Não sou de guardar rancores.
Mas quando é preciso, eu guardo.
Um dia, você vai se arrepender e sentir na pele tudo o que você me fez passar.
Não me arrependerei, e muito menos sentirei pena de ti.
Você tem pena de mim quando me nega algo?
Tenho certeza que não.
Porque eu também não sentirei.

Nenhum comentário: