quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Carne viva.
















Quanto mais detalhes sentimentais,
menos valorização.
Quanto mais amor,
menos reciprocidade.

São ideias opostas, todos sabem!
Mas quem sabe,
insiste em fingir que é leigo no assunto.

Afinal, pra amar, não precisa saber.
Muito menos analisar...
É preciso sentir.
Apenas sentir.

Nenhum comentário: