sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Deixo pra ti.


Quando demais,
faz mal, é veneno!
Quando de menos,
faz falta, dá saudade!
Quando na medida certa,
ninguém valoriza, finge que nem vê.

O que fazer com você,
meu companheiro de longa data?
O que fazer com você,
que me proporciona o mais lindo pôr-so-sol,
e o luar mais apaixonante?

Amor, o que fazer com você, amor?

Nenhum comentário: